Tiritot

PINHEIRO, Jane. Tiritot. Recife: Zoludesing, 2019.

 

Tiritot nos convida a um mergulho em fragmentos da existência de uma mulher outrora cheia de vida, que desaparece no meio da madrugada, deixando objetos que compõem um quebra-cabeça revelado aos poucos.

Por meio de uma estrutura fragmentária, múltiplas vozes, entremeadas de relatos mais duros, poemas, aforismos, sonhos, fotografias, aquarelas, Jane Pinheiro apresenta-nos as inúmeras estratégias de uma personagem feminina para enfrentar e sobreviver a um tipo de violência que "vai roendo a gente por dentro, aos pouquinhos, sem que a gente compreenda o que está acontecendo, sem que a gente saiba porque, um dia, está oca, a casca fininha, fininha, e não consegue se manter de pé", uma violência que ela desconhecia, não nominava – a violência psicológica. 

Nessa busca, a personagem Vińa mergulha na sua própria história e de outras inúmeras mulheres - difícil não reconhecermos algumas delas -, histórias tão diversas, tão semelhantes.

Organizado no formato de fichas soltas, colecionadas numa charmosa caixinha, possibilita inúmeras leituras e aposta na edição como criadora de sentidos.

As aquarelas e fotografias que vemos no romance, todas de autoria de Jane Pinheiro, não são ilustrações, antes ocupam um lugar na narrativa como imagens poéticas produzidas pela personagem principal.

Contando com patrocínio do Funcultura, o livro foi lançado  oficialmente  no Museu da Cidade do Recife, em janeiro de 2019. 

30

R$

Por causa do sal

PINHEIRO, Jane. Por causa do sal. Recife: Zoludesign, 2017.

Fluxos de pensamento nos transportam para o desejo do encontro amoroso entre duas pessoas e inúmeras modulações que acompanham esse desejo: fantasia, medo, frustração.

Imagens analógicas, como que saídas de algum lugar esquecido da memória, não ilustram o texto, aportam-lhe  uma temperatura afetiva  que estimula a co-criação de sentidos por quem lê.

Por causa do sal é a primeira publicação da Zolu enquanto editora.

O livro é encadernado à mão e os 200 exemplares são numerados e assinados pela autora.

Os registros fotográficos são de autoria de Jane Pinheiro e podem ser conferidos aqui.

Você também pode assistir videopoemas com trechos do livro.

50

R$

Arte Contemporânea no Recife dos anos 1990

PINHEIRO, Jane. Arte Contemporânea no Recife dos anos 1990,  Recife: Zanzar, 2017. 

 

Dissertação de mestrado em antropologia da UFPE, trata de coletivos e de artistas visuais atuantes na capital pernambucana no final dos anos 1990 e recebeu o prêmio de melhor ensaio no 45º Salão de Artes Plásticas de Pernambuco (2002/2003).

 

A publicação é rica em fotografias da própria autora, as quais registram artistas, performances, montagens e obras referentes à pesquisa, cujo foco foram os grupos Camelo, Carga e Descarga e a artista Betânia Corrêa de Araújo.

 

A edição, bilíngue, tem tradução para o inglês por John Holtappel e Geraldo Maia. O projeto gráfico é assinado pela Zoludesign. O prefácio é do curador e pesquisador Marcus Lontra. Este é o livro com que a Zanzar Edições inaugura as atividades editoriais.

 

Contando com patrocínio do Funcultura, o livro foi lançado  oficialmente  no Museu da Cidade do Recife, no dia 28 de janeiro de 2017. 

40

R$
  • Black Instagram Icon
  • Preto Ícone YouTube
  • Black Facebook Icon
  • Black Twitter Icon

© jane pinheiro